#VocêTemUmaMenteMilionária

Séries: Dexter - 2ª Temporada

3 de janeiro de 2011



Título Original: Dexter
Temporada: 2
Gênero: Criminologia
Ano: 2007
Site oficial: http://www.sho.com/sho/dexter/home
Emissora: Showtime
Nota pessoal: 4

Todo período de Hiato eu começo a assistir um novo seriado, e desta vez me rendi ao Dexter, que me conquistou já na primeira temporada.
Este final de semana aproveitei para assistir a segunda temporada. Dexter é interessante, porque toda temporada tem apenas 12 episódios de aproximadamente 50 minutos cada, então dá para devorar uma temporada inteira em um final de semana tranquilamente.
A temporada teve seus altos e baixos, porém no geral não deixou de ser uma boa temporada.

Para quem não assistiu a sinopse abaixo contém muitos spoilers.

Depois de matar seu irmão Biológico, mais conhecido como o Ice Truck Killer, descobrir tudo o que aconteceu no assassinato de sua mãe e das mentiras que Harry seu pai adotivo/criador de serial killer contou, Dexter estava completamente atordoado, o que o fez não conseguir se concentrar em suas buscas e ficas mais de 40 dias sem cometer justiça com as próprias mãos.
Até que ele descobriu que tinha que dizer adeus ao seu irmão, aceitar sua condição e lá estava ele de volta a ativa.
Porém, ele não esperava que após a morte de Paul viesse o confronto de Rita, questionando se o discurso apresentado por Paul quando estava preso era verdade, e quando Dexter assume ela questiona se ele usava drogas e ele admite ter um vício, e então ela pede que ele procure ajuda. E é isso que, como um bom namorado ele faz.
Eis que chega no ponto que eu confesso que estava ficando muito desanimada.
Dexter entra para a turma de Narcóticos Anônimos onde conhece Lila, uma Inglesa que passa a ser sua madrinha, e a partir daí ele começa a sentir insegurança em seus atos, e por tudo o que passa ao lado da Psicótica Lila, com quem ele tem um caso relampago, e que consegue por certo tempo manipula-lo de forma que me deixou bastante nervosa.
Eis que com as evidencias de que o assassino conhecido pela polícia como Bay Harbor Butcher, conhecido por nós como Dexter é descoberto pelo Sargento Doakes, porém o mesmo deu uma baita vacilada e acabou sendo acusado como suspeito por ser o Bay Harbor Butcher. Para se livrar das acusações, ele tenta prender Dexter, porém Dexter é um Psicopata/Serial Killer, logo não é tão fácil assim pega-lo, ainda mais por ele seguir os códigos de Harry e com isso o Sargento Doakes acaba virando refém do Dexter, que assim, consegue mais evidencias para incriminar o Sargento marombadão.
Depois de Dexter matar um assassino na frente de Doaks e ele perceber que a reação do Sargento foi a mesma que seu pai teve 3 dias antes de morrer (o que Dexter já havia descoberto como sendo uma mentira, pois seu pai cometeu suicídio) ele percebe que seu pai se arrependeu o monstro que criou e resolve se entregar para a polícia.
Então Dexter começa a se preparar para ir pra trás das grades...
Numa das perseguições ridículas de Lila, ela finalmente faz algo útil, não que eu tenha gostado que o Sargento Doaks morreu, mas realmente era o único meio de deixar nosso Dexter livre para as próximas temporadas...
Ela rouba o GPS do carro de Dexter e descobre o cativeiro onde o Doaks esta, e quando ele conta para ela que o Dexter é o Bay Harbor Butcher ai ela (que adora um foguinho) resolve queimar as evidencias, colocando fogo no cativeiro e manda o Sargento pelos ares.
Mas é claro que isso não ia ficar barato para ela, afinal ela entrou na lista das vítimas de Dexter, quando ela percebe isso resolve sequestrar os filhos de Rita, mas Dexter saca a jogada dela e consegue chegar a tempo de salvar as crianças e se salvar, porém Lila foge para Paris, mas (sabe-se lá como, ele é muito bom mesmo) Dexter consegue localizá-la e terminar a temporada com chave de ouro se livrando da mulher mais pentelha da segunda temporada.

Acontecimentos que gostei:
Deb superando o trauma do Ice Truck Killer, mais isso não antes de algemar o colega da academia na cama para conseguir transar com ele sem medo.
Dexter voltando para Rita, não sei porque pensaram em separá-los, mas felizmente voltaram atrás.
Deb decidindo pela profissão, que é sua paixão, ao invés de ir atrás de seu namorado/colega de trabalho/chefe.
A conversa sincera de Dexter com o Sargento Doaks, eu gostava do sargento de verdade.
E claro... Dexter voltando a ser quem ele sempre foi.

Já vou começar a baixar a terceira temporada para assistir no próximo final de semana.

5 comentários :

  1. Hum...

    Ta ai a dica,, estava precisando mesmo de novos seriados...

    Valeu..

    ResponderExcluir
  2. Assiste amore por que é muito bom meeeeeeesmo.

    ResponderExcluir
  3. A Deb é uma boca suja dos infernos, mas é uma personagem sensacional! Louca da gota!

    A Rita ainda tá boring na segunda temporada, mas começa a dar uma melhorada! kkk

    O Doaks, coitado! Se meteu numa furada...e como já sabemos isso quase aconteceu com um certo individuo de gota de sangue no sapato...de novo!Sorte dele que a Lila já tinha morrido! kkkk
    O personagem insuportável, dei pulinhos quando o Dexter aparece em Paris e ela é despachada no Senna...nem sei onde mas gosto de pensar que foi lá! ahuauaa

    A Maria encheu um pouquinho também nessa temporada, se ela tivesse de olho aberto acho que tinha salvado o Doaks...

    E nosso amigo Dexter sempre 'quase'pego!kkk

    ResponderExcluir
  4. Eu sinceramente achei uma pena o Doacks ter saido de cena, gostava dele. Mas eu achei que a Lila foi tarde pro lado de lá, insuportavel credo.

    Beijocas

    ResponderExcluir
  5. Amei a Lila ter morrido, tenho sobre ela a mesma opnião que a Deb. MUAHAHAHA! (:

    ResponderExcluir

Muito obrigada pela visita, esta convidada(o) a retornar sempre que quiser.
Gosto muito de saber o que as pessoas acham de minhas resenhas e críticas então, por favor deixe seu comentário.
E pode ter certeza que seu comentário terá uma resposta minha, portanto fique ligada(o) ;-D.
Beijocas

INSTAGRAM @fls.com.vc

LEITORES

RECEBA POR EMAIL