#VocêTemUmaMenteMilionária

Séries: Glee - 1ª temporada

22 de abril de 2011


Título Original: Glee
Temporada: 1
Gênero: Musical
Ano: 2009-10
Site oficial: http://www.fox.com/glee/
Emissora: Fox
Nota pessoal: 3


Sinopse
Glee é a turma de coral do colégio, que ao contrário das demais escolas, o grupo New Directions é mal visto pelo restante da escola e eles são reconhecidos como perdedores.
Nesta temporada temos  Willian Schuester, ex-membro do Glee Club, assumindo a direção da turma após a saída do diretor anterior. Will tem um grande desafio, para manter o Glee Club ele precisa garantir que a turma ganhe a competição de escolas regionais. E ainda tem que lidar com a descoberta da falsa gravidez de sua mulher seguindo ao divórcio.
Mas a vida dele não será nada fácil, pois Sue Silvester vai garantir que a vida dele seja um verdadeiro inferno, fazendo de tudo para colocar um fim no Glee Club antes mesmo que as regionais aconteçam.
Tudo acontece em meio a muita música e desafios.
Quinn, ex-líder de torcida, descobre que esta grávida do melhor amigo de seu namorado, Puck. Quando Finn, namorado, descobre quase que a turma perde a classificação para as regionais. Enquanto isso Rachel, apaixonada por Finn, tenta se aproveitar da situação para conseguir o coração do rapaz, até que conhece Jesse que é membro do Glee Club da escola concorrente, e ainda tem que lidar com o fato de que existem cantores melhores do que ela, o que para ela isso é inadmissível.
Artie com sua limitação da cadeira de rodas, vive em constantes conflitos por não poder dançar, se apaixona por Tina, que fingiu ser gaga, mas depois de descobrir a verdade e aceitar os dois ficam juntos e felizes.
Kurt, depois de muito lutar e esconder, assume ser homossexual e conta a verdade para seu pai, que é honesto com o filho dizendo que não é fácil aceitar, mas que nada muda o amor que ele sente pelo filho.
Juntos eles enfrentam o maior desafio de todos, estabilizar suas emoções por meio da música e buscar vencer as regionais.

Pontos relevantes
O pai do Kurt é meu ídolo, ele me fez chorar muito nesta temporada ao lado do Kurt é claro, os dois fazem os meus personagens favoritos da série.
O fato de a série abordar tantos problemas existentes em nossa sociedade é bem interessante, eles buscam abordar estes temas tão polêmicos de forma não superficial e mostrando que tudo tem uma saída.
Todos os personagens da série enfrentam problemas, Rachel seu super ego e a carência da figura materna, Artie a sensação de inferioridade por ser cadeirante, Mercedes o fato de ser negra e gorda, Quinn a garota popular da escola que deixa de ser popular ao descobrir que esta grávida, Emma a professora que tem TOC, e muitos outros temas delicados como o bulling que hoje é mundialmente conhecido e comentado.

Crítica
Sempre fui muito relutante em assistir Glee, até que depois de muitas recomendações dei o braço a torcer. De inicio eu cheguei a me arrepender, mas como sou persistente resolvi assistir até o final da primeira temporada e não me arrependi. Os primeiros episódios são muito estranhos, afinal ninguém gosta de ninguém, a única coisa que todos tem em comum é o amor pela música, fora que o episódio terminava do além, aquela coisa de você ficar olhando para tevê e falar... "Aham?". Porém com o passar dos episódios há o entrosamento dos personagens, as semelhanças e diferenças aparecem, e ai cria-se o elo entre os personagens e com isso eu também criei.
Fator mais importante para eu gostar de Glee foi que eles não cantam somente as músicas da atualidade, e sim músicas antigas, clássicos, por assim dizer.
Quanto ao último episódio eu fiquei um tanto decepcionada. Era óbvio que a Quinn entraria em trabalho de parto durante a apuração do resultado, porém eu não esperava que ela realmente colocasse a filha para doação, achei muito cômodo para os produtores tirarem a criança da jogada. Não gosto deste falto de mostrar que é fácil ter uma gravidez na adolescencia e após ter o filho simplesmente entregá-lo para outra pessoa, achei falta de bom senso, afinal o número de adolescentes grávidas vem crescendo a cada dia. Tirando este fato eu gostei muito mesmo da série. Recomendo a série, mas não é aquele tipo de seriado que faz com que a gente fique louco para ver o próximo episódio.

Episódio favorito
"Wheels"
Neste episódio Will coloca como desafio a apresentação de uma balada, com isso Rachel prontamente se diz a responsável, mas então Kurt também resolve participar e ele é retirado, pois julgam ser necessário uma mulher para interpretar, seu pai, ao ver o filho deprimido, vai à escola brigar para que Kurt possa participar. É lindo e chorei muito com a relação do Kurt e seu pai.
Além do fato que todos os membros do Glee Club passam o episódio em cadeiras de rodas para entender como Artie precisa enfrentar os obstáculos de um cadeirante. Foi emocionante.



E lá vou eu para a próxima temporada. E você é fã de Glee?

LEITORES

RECEBA POR EMAIL

INSTAGRAM @fls_insta