#VocêTemUmaMenteMilionária

Série: Glee - 2ª temporada

27 de maio de 2011


Título Original: Glee
Temporada: 2
Gênero: Musical
Ano: 2010-11
Site oficial: http://www.fox.com/glee/
Emissora: Fox
Nota pessoal:4

Sinopse
Depois das férias, o ano letivo recomeça em McKinley High e com isso a turma do coral, New Directions, começa com as audições. Toda a turma do Glee esta empolgada para recomeçar e ter pessoas novas, porém Rachel não aceita, quando ela conhece Sunshine, aluna nova, e vê que a menina, além de ser mais baixa do que ela, é uma ótima cantora, faz de tudo para que Sun não fique no Glee Club e a garota vai para o grupo Vocal Adrenaline.
Artie descobre que Tina esta namorando Mike o que deixa ele arrasado.
Toda a turma do Glee fica com raiva de Rachel por perderem uma ótima cantora que poderia arrancar a vitória das mãos do grupo concorrente que os venceu no ano anterior.
Finn descobre um talento no banheiro masculino, Sam é um ótimo cantor (a clássica cantoria no chuveiro), porém não quer se juntar ao Glee para não ser tachado de fracassado.
Não é que a tática de Kurt de juntar seu pai com a mãe de Finn, o que na época era só para ter sua paixonite morando na mesma casa, deu certo. Finn superou seu medo de ser visto como um homossexual por estar ao lado de Kurt e com isso seus pais casaram em uma cerimônia linda.
E os bullings não param de acontecer na escola e como Kurt é o alvo principal Karofsky, ele decide visitar Dalton Academy Warblers, que é uma escola particular só para garotos, lá ele conhece Blaine, que é o único gay da escola e que não sofre qualquer tipo de preconceito. Depois que Karofsky beija Kurt a força e o ameaça de morte caso conte à alguém, Burt decide transferir o filho para Dalton, e Kurt apesar de saber que ficará longe dos amigos sabe também que ficará longe de ser alvo de agressões. E então a série se divide em mostrar as duas escolas.
Voltam as brigas entre o time de futebol x Glee e com isso Will se une com a nova treinadora de futebol, Beiste. Para que isso acabe, todos os membros do time de futebol são obrigados a ensaiarem com a turma do Glee, e quem não o fizer esta fora do campeonato, o que acaba tendo um resultado positivo.
Enquanto isso, Kurt descobre que na nova escola não é tudo o que ele imaginou de primeiro momento, é cheia de regras e que só há espaço para um líder que é Blaine.
Com a superação do time de futebol Sam passa a ser membro do Glee Club, porém Puck é preso e novamente eles precisam de um novo membro, então Lauren entra para o grupo.
Começam os preparativos para as regionais e em meio de muitos acontecimentos...
Artie começa a namorar Brittany. Rachel descobre que Finn transou com Santana e fica com Puck, mas depois se arrepende e conta para Finn que termina o namoro. Puck se vê apaixonado por Lauren, por ela ser durona e não querer nada com ele. Quinn não perde tempo e começa a namorar Sam, porém pouco tempo depois começa a trai-lo com Finn, depois os dois voltam a namorar "escondidos", Rachel sofre com o namoro dos dois. Kurt se apaixona por Blaine, porém este esta apaixonado por outro garoto. Will fica sériamente doente e com isso Holly, a professora substituta, passa a dar aula para o pessoal do Glee e chacoalha as estruturas. Emma começa a namorar, com seu dentista e com o tempo Will percebe que o TOC dela esta menos exagerado, e então descobre que os dois se casaram. Will tem um namoro relampago com Holly. Com a morte de Pavarotti, o passarinho mascote dos Warblers, Kurt pede para prestar homenagem e durante um solo ele é finalmente percebido por Blaine que declara estar apaixonado, depois disso os dois começam a namorar. Sue se transforma em um furacão e com isso as Cheerios ficam de fora do campeonato, depois de dar uma ajudinha para o Will com o Glee Club ela passa a treinar Aural Intensity, outro grupo concorrente do New Directions, para tentar mais uma vez derrubar o grupo de Will, com isso Will decide que a partir de então as músicas das competições deverão ser músicas próprias, Rachel começa a compor músicas e pede ajuda de Finn para avaliar. Santana se descobre homossexual e não aceita o namoro de Brittany com Artie. Artie percebe a relação entre Santana e Brittany e chama a namorada de burra, com isso o namoro acaba. Santana descobre o segredo de Karofsky e propõe um namoro de fachada, juntos eles montam a liga anti bulling, mas o real objetivo dela é ser eleita rainha do baile, assim como o de Quinn e de Lauren. Santana com esta aliança feita com Karofsky consegue o retorno de Kurt para McKinley High.
E muito mais coisa rolou...
Rachel salva New Directions com uma música maravilhosa e muito bem interpretada garantindo o primeiro lugar e a ida para New York para as Nacionais. Perto da ida para Nova York, Jesse volta e com isso mexe não só com o coração de Rachel, mas também com o ciúmes de Finn e consequentemente de Quinn. Durante o baile, os dois acabam se pegando (em uma briga que parecia de menina), porém o ponto alto foi durante a escolha do rei e rainha. Karofsky é eleito rei e Kurt a rainha, o que é uma enorme humilhação para Kurt, mas Blaine o ajuda a superar e receber sua coroa, neste momento Kurt tenta incentivar Karofsky a se assumir, porém o garoto não consegue.
Mesmo após o baile, Jesse assume a posição de auxiliar do Will para decidir quem fará o solo das nacionais, porém ele toca o terror em todos, fazendo uma pressão psicológica totalmente desnecessária, tudo isso para conseguir Rachel como cantora principal, e gerando o desentendimento da turma. Will percebe que a abordagem não funciona como esperado e volta com seu estilo de ensino dispensando Jesse.
Nas vésperas das nacionais, Will é surpreendido por Becky (tenho vontade de abraçar ela muito) pedindo para participar do Glee Club, pois Sue a tirou do Cheerios, quando vai confrontar Sue, ele descobre uma fatalidade, Jean, a irmã doce de Sue, morreu, porém Sue tenta não ser fraca e passar por cima, mas Finn e Kurt que já sofreram perdas em suas vidas resolvem ajudá-la. Os dois, com a ajuda de Will preparam o funeral dela (lágrimas rolam descontroladas), Sue tenta fazer um discurso, mas emocionada aceita a ajuda de Will que termina seu discurso e com isso os dois criam, mesmo que momentaneamente, um elo de amizade.
Depois do discurso de Sue, Finn percebe seu verdadeiro amor por Rachel e termina com Quinn, que jura se vingar.
As nacionais chegam e com isso também a provável saída de Will da escola para ir para a Broadway. Tudo acontece muito rápido, Finn tenta ficar com Rachel, mas ela esta agora em busca de seu sonho. Além de tentar compor as músicas para as nacionais todos estão loucos para explorar Nova York. Will percebe que sua verdadeira paixão é ensinar às crianças a cantarem e então decide continuar. Ao chegar para a tão esperada hora, eles se apresentam inicialmente com um dueto de Rachel e Finn que termina com um beijo apaixonado, e então uma apresentação do grupo, ao chegar a lista de 10 finalistas ele descobrem que ficaram em 12º lugar, todos culpam Rachel e Finn pelo beijo, mas no final todos entendem que  não era a hora e partem para as férias, mas antes Santana e Brittany tem uma conversa aberta e a loira mostra que não é tão burra quanto aparenta e que Santana é sua melhor amiga.

Pontos relevantes
O namoro de Artie e Brittany para mim foi muito fofo, fiquei muito chateada quando ele a chamou de burra e apoiei a decisão dela de não perdoar fácil, mas espero que eles fiquem juntos.
A treinadora Beiste é o máximo, durona, porém com um coração enorme, chorei com ela quando ela disse que nunca tinha sido beijada e achei lindo o Will ter a atitude de beijá-la.
Burt é, foi e sempre será o melhor pai do mundo, eu sou apaixonada por ele e de verdade queria que ele fosse meu pai do fundo do coração. A conversa dele com o Blaine sobre sexo foi o máximo, depois ele indo até Kurt, ai gente eu sou suspeita, AMO BURT, gostaria de verdade que ele tivesse mais espaço na série.
Blaine e Kurt são o casal mais lindo da série, quando o Blaine fala que ama o Kurt no último episódio eu até suspirei, um amor lindo, sincero, sublime.
Becky é fofa gente, a relação dela com a Sue é linda, mas linda só a relação de Sue com sua irmã, que só de escrever já me emociona. Não queria que ela tivesse, apesar de aparecer pouco, sido retirada da série. Ela trazia o lado humano de Sue, além de ser doce e meiga.

Crítica
Glee evoluiu e muito nesta temporada, mas para mim o último episódio deixou a desejar, as apresentações das regionais foram infinitamente melhores do que das nacionais, acho que se fosse o inverso seria melhor, me decepcionei.
Agora o que para mim foi um ato muito falho foi a história da filha da Quinn, tipo ela deu para adoção e ficou por isso mesmo, nenhum remorso, imaginar como estaria sua filha. Achei que foi muito fácil mostrar o drama de uma adolescente grávida e depois simplesmente tirar a criança de cena, volto a dizer que não gostei e que isso afetou sériamente a minha avaliação da série que poderia ter uma nota melhor.
O ponto que me fez gostar mais ainda desta série é terem tirado do foco da Rachel, Finn, Will e Mercedes, e dado espaço para todos os demais membros performarem em solos e mostrarem o seu talento, me surpreendi com a Santana, Brittany e Sam. Já Puck, Kurt e Artie eu gostava deles de graça desde a primeira temporada, acho a voz deles muito gostosas, apesar de o Kurt geralmente performar músicas, mais estilo Broadway de ser, que não me agradam muito.
A volta de Jesse que por mais que tenha sido breve foi válida, ele tem uma voz muito gostosa, e ele cantando "Rolling in the Deep" com Rachel, para mim, foi a música mais linda. A inclusão de Blaine também foi ótima, não só por conta do surgimento de um casal gay mas sim pela voz maravilhosa.

Episódio favorito
"Furt"
Como já ficou claro, eu amo o Burt e ver ele casando com a mãe do Finn foi a coisa mais linda do mundo, mais lindo que isso foi o Finn superar seu preconceito e cantar para o Kurt durante a cerimônia.



Não vejo a hora de começar a próxima temporada de Glee. E você o que achou da temporada?

INSTAGRAM @fls.com.vc

LEITORES

RECEBA POR EMAIL