#VocêTemUmaMenteMilionária

Filmes: Amanhecer - Parte 1

19 de novembro de 2011


Título Original: Breaking Dawn - Part 1
Gênero: Romance
Ano: 2011
Duração: 130 minutos
Site Oficial: http://www.breakingdawn-themovie.com/
Nota pessoal: 4

E a Saga Crepúsculo continua, ontem foi a estreia de Amanhecer - Parte 1, apesar de ser o livro que eu menos gosto (na verdade acho o livro muito ruim), fui conferir como ficou.

Sinopse
Após aceitar o pedido de casamento feito por Edward, Bella tem que se preocupar com os preparativos da cerimônia e com o desaparecimento do seu melhor amigo, e futuro inimigo mortal, Jacob. Durante a lua de mel, Bella engravida de Edward, e o bebê vampiro tem um processo extremamente acelerado de desenvolvimento então, por ser humana, ela sofre dores e corre o risco de não sobreviver ao parto. Edward quer que o bebe seja abortado, assim como todos da sua família a exceção de Roselie, que passa a ser protetora de Bella. Quando Jacob descobre, depois de confrontá-la e ver que ela esta decidida a ter o bebe custe o que custar, ele assume papel de protetor perante os demais lobisomens do seu bando.



Crítica:
Confesso que para fazer esta crítica foi um pouco difícil, tive que deixar de lado o fato de eu não gostar do livro e analisar somente o que o filme e sua produção significam, então minha nota subiu consideravelmente.
O que me desagradou muito no filme foi a repetição de trilha sonora, muitas músicas do primeiro filme foram usadas, as trilhas sonoras sempre me conquistaram na Saga, vê-las repetidas na primeira parte do último filme foi extremamente desconfortável para mim. Acredito que para muitos isso não é nada, mas a mim incomodou.
Achei a produção bem feita, desta vez sem perucas bizarras, um figurino que já se tornou clássico da série.
Apesar de algumas mudanças, o que já estamos bastante acostumados, o filme esta bem fiel ao livro, assim como os três anteriores. Uma adaptação bem feita, e o que me surpreendeu foi que eles não tentaram deixar o filme bonitinho, inclusive no final tem umas cenas, não existentes no livro, bem bizarras.
Edward falando português foi um cuidado especial, que sempre me agrada em filmes que se passam no Brasil.
Os efeitos visuais foram muito bem feitos, todo o processo de gestação de Bella acompanhamos com os olhos o sofrimento que ela enfrenta para levar a gestação até o fim, e isso facilitou um pouco a minha aceitação em a adaptação ser em duas partes, mas só um pouco.
Agora o que me conquistou no filme, mesmo ele não tendo me emocionado em momento algum (olha que isso é difícil), foram as cenas cômicas, eles mandaram muito bem no toque de comédia colocado, acredito que 35% do filme seja composto disso, até mesmo durante a cerimonia do casamento, que imaginei que seria tocada pelo romantismo para levar às fãs as lágrimas, foi na verdade muito hilário.
Tenho que dizer, que mesmo não gostando do livro, o filme foi muito bom, muito bem produzido, e o que me incomodou mesmo foi a trilha sonora, além da inclusão de uma parte completamente desnecessária, e bizarra, nos momentos finais.
Não sei se os fãs da série vão gostar muito da adaptação, pois o romantismo foi deixado completamente em segundo plano, cenas doces são poucas, cheguei a jurar que o filme foi produzido por Quentin Tarantino.

DICA: Depois dos créditos tem uma cena extra, mas para os que leram o livro não é nada de novidade, acho valido mesmo para os que só acompanham o filme, pois é o gancho para Parte 2.

LEITORES

RECEBA POR EMAIL

INSTAGRAM @fls_insta