#VocêTemUmaMenteMilionária

Séries: Dexter - 6ª Temporada

10 de janeiro de 2012



Título: Dexter
Temporada: 6ª
Gênero: Criminologia
Ano: 2011
Emissora: Showtime
Nota pessoal: 5

Vamos a primeira resenha de séries do ano, vou mudar um pouco o estilo, não contando como foi a temporada inteira, assim quem ainda não assistiu pode ler sem medo.


Sinopse:
Nesta temporada Dexter se depara com os conflitos religiosos.
Ele superou bem a ida de Lumen, agora esta 100% voltado para eliminar assassinos e para os cuidados de Harrison.
Ele, um ateu, acredita somente na ciência e no "código de Harry". Mas encontra diversas pessoas cheias de crenças e começa e questionar sobre a existência de Deus.
Então, passa a vigiar um ex presidiário que se diz mudado pela fé e que quer ajudar as "ovelhas desgarradas" a largarem o crime e as drogas. Dexter acha que tudo não passa de uma fachada, porém descobre que a fé realmente pode mudar as pessoas, se tornando amigo do irmão Sam.
Dexter adotou um ritual sagrado que deve ser realizado diariamente, cuidar de seu filho e fazer com que ele jamais conheça sua verdadeira identidade.
Uma série de assassinatos começam a acontecer, e o departamento de homicídios, agora comandado pela Tenente Debra Morgan, percebem que estão ligados a rituais religiosos mencionados no livro do Apocalipse, então batizam o serial killer como "Assassino do Apocalipse".
Mais uma vez Dexter corre contra o tempo para localizar os assassinos antes que seu departamento o faça.

Crítica:
Caracas que temporada fantástica, começou um pouco morna e foi ganhando vida e corpo. O final da temporada deixou diversos ganchos para a próxima e claro o gancho principal que me deixou extremamente agoniada durante os últimos 15 minutos do último episódio.
Gostei muito do desenrolar dos dramas secundários, ver a Debra ganhar mais espaço se tornando a Tenente do departamento de homicídios foi muito legal, confesso que ela me irritou um pouco com seus conflitos e dúvidas, mas depois consegui entender o motivo de tudo aquilo e achei que foi muito bem estruturado.
Existe um personagem que foi introduzido na série que certamente é um dos ganchos para a próxima temporada, e se não for os produtores terão pecado feio em deixar isso em aberto. Já o outro personagem não teve uma participação tão efetiva como eu esperava, afinal ele surge com banca de "sou foda" e no final não faz nada. Só não vou dar nomes para não gerar spoiler para os que não assistiram, mas quem já viu sabe muito bem quem é quem.
O que era para ser óbvio para mim se tornou surpreendente.
Confesso que estou ainda sob efeito do último episódio e um pouco sem palavras, só posso afirmar que gostei muito desta que para mim é a melhor temporada da série. Esperando ansiosamente pela sétima.

Melhores e piores:
Melhor episódio "Get Geller"
Episódio revelador e cheio de passagens interessantes e o que mais gostei foi o diálogo típico de Dexter e Debra que estava sentindo falta.

Dex: "Você esta bem?"
Deb: "Sim, só joguei fora um par de sapatos porque estavam cheios de sangue, mas estou ótima."
"Porque estou aqui, caso precise de uma cadeira."
"O que?"
"O que disse antes. Sou uma cadeira"
"É, mas não quero uma cadeira. Quero uma mesa"
Pior episódio "Nebraska"
Não aguentei o conflito dele com o irmão o assombrando, foi um alívio ao final do episódio ele dando carona para o pai.

Promo 6ª temporada
(música perfeita)





Adorei esta temporada e é claro, SUPER recomendo.

LEITORES

RECEBA POR EMAIL

INSTAGRAM @fls_insta