#VocêTemUmaMenteMilionária

Séries: Beauty and the Beast - Primeiras impressões

19 de outubro de 2012


Como uma boa fã de A Bela e a Fera é claro que eu não poderia deixar de conferir a nova série da CW, Bealty and the Beast que é uma adaptação do conto de fadas para o mundo atual. Fui conferir o episódio piloto, que é o episódio construído para conquistar fãs, e vejam o que encontrei.

Sinopse
Catherine Chandler vê sua mãe sendo friamente assassinada enquanto estava em resgate da filha e seu carro sem bateria, ao fugir dos assassinos ela é salva por um ser desconhecido que foi identificado com um urso pela perícia. Anos se passam e ela se torna uma detetive de homicídios e durante a investigação de um assassinado ela tem a chance de encontrar seu salvador. Porém ela descobre que ele na verdade é um médico cuja morte foi forjada, uma vez que ele sofreu experimentos científicos que alteraram sua força e forma física. Ela percebe o quão perdido ele esta no mundo e que deve salvo de sua maldição.

Primeiras impressões
Bom o plot é bastante óbvio, claro, mas acho que nem tudo precisava ter acontecido tão rápido, afinal nem mesmo no conto de fadas a Bela aceita a Fera de primeiro momento, e sim somente depois de conhecê-lo e perceber que ele não é uma besta e sim um ser humano com coração.
Já na série tudo ficou bastante forçado.
No episódio piloto tudo acontece de forma muito rápida, ele a salva, ela descobre seu segredo, o aceita e se interessa por ele a ponto de estar presente em sua vida. Bem, vamos por partes.
O que mais me intrigou foi a aceitação. Estamos falando de uma detetive de homicídios, cujo objetivo é identificar e prender assassinos, certo? Errado, ela identifica um potencial assassino serial que esta na ativa a muitos anos e só pelo fato de este cometer crimes salvando mocinhas indefesas é completamente aceitável, visto que só ela foi salva por ele duas vezes, então tudo bem, tudo certo. É isso mesmo? Acho que isso foi um pecado enorme, colocasse ela em outra profissão que a história ficaria mais tragável.
Além disso ela percebe que é seguida por ele, inclusive encontra um artigo sobre ela no esconderijo dele, e sequer questiona qualquer coisa. Oi? Cadê o instinto investigativo? Não percebi ela em momento algum com a pulga atrás da orelha e investigando o passado dele para saber se ele não é obcecado por ela ou algum maníaco obsessivo.
Outro ponto é este de ele assassinar pessoas. Achei isso completamente desnecessário visto que ele tem força sobre humana ele poderia simplesmente nocautear suas vítimas e salvar as mocinhas indefesas da mesma forma. Tudo bem que ele não consegue controlar sua força. Não consegue mesmo? Ele pareceu bastante controlado no final do episódio quando ficou todo nervosinho com Cat e se transformou em fera (que mais pareceu o Hulk, segundo minha mãe).
O restante da história foi até tragável, experimentos científicos, realizados pelo exército americano, que transformaram Vincent em uma fera e o meio como ele ficou escondido nos últimos 10 anos. Mas a parte da bela Catherine forçou a amizade.
Claro que ainda assim vou dar uma chance para a série e conferir mais alguns episódios para ver se vale a pena ou não.

Confira o trailer da série.


Site oficial: http://www.cwtv.com/shows/beauty-and-the-beast

INSTAGRAM @fls.com.vc

LEITORES

RECEBA POR EMAIL