#VocêTemUmaMenteMilionária

Filmes: Busca Implacável 2

22 de outubro de 2012


Título Original: Taken 2
Gênero: Ação
Ano: 2012
Duração: 94 minutos
Site Oficial: http://www.buscaimplacavel2.com.br/
Nota pessoal: 2

Pensa numa pessoa que surtou quando descobriu que sairia a continuação de um dos meus filmes favoritos protagonizado por Liam Neeson, e surtou depois por descobrir que foi um desperdício de filme.

Sinopse
Bryan consegue consiliar trabalho e sua relação com sua filha, por meio de horários marcados. Com o divórcio da sua ex-esposa, este tem a chance de estar mais próximo das mulheres de sua vida, e as convida para acompanhá-lo em uma viagem. Acontece que todas as pessoas que ele matou no passado para resgatar sua filha, também tinham famílias e estas querem vingança.


Crítica:
Fui ansiosa ao cinema conferir a continuação de um dos meus filmes favoritos com o ator e sai de lá revoltadíssima, tanto que até demorei para postar a resenha meio que em forma de protesto.
A proposta do filme foi muito boa de colocar a vingança da família dos criminosos assassinados e torturados pelo ex-agente da CIA, mas o filme esta fraco demais.
Para começar ele é completamente pretensioso, começando pela frase do personagem Bryan "What I do best" e outras falhas deixaram o filme fraco, chato e sem qualquer emoção.
Nem tenho muito o que falar a respeito, de tão chateada que fiquei.
Para ficar mais fácil de entender meu descontentamento com o filme, acho que é melhor eu fazer uma comparação dos dois. O primeiro transmitia a emoção e o desespero do pai tentando salvar sua filha, assim como a agilidade de raciocínio necessária para passar as instruções para ela, naquele que viria a ser um dos piores momentos de sua vida. Já no segundo, eles tentaram repetir isso mas ficou frio, sem emoção e completamente mentiroso (vamos lá gente uma família que quer vingança vai deixar, no meio de um sequestro, o cara passar a mão no celular e ligar para a filha dando instruções de como ela deve se salvar? Sério mesmo?), estas falhas cometidas é que mostram tamanha pretensão de achar que o filme seria tão bom que o espectador não ia se ligar neste enorme buraco.
Existem filmes que tem a proposta de serem realmente mentirosos como 007 e Missão Impossível, mas este não era o caso e por isso as mentiras foram intragáveis.
O filme é fraco, mentiroso, mas ainda assim o Liam Neeson atuou muito bem nas cenas de luta corpo a corpo o que fez valer a pena o ingresso, mas só.
Não recomendo o filme, principalmente para aqueles que adoraram o primeiro.

INSTAGRAM @fls.com.vc

LEITORES

RECEBA POR EMAIL