#VocêTemUmaMenteMilionária

Séries: Almost Human - 1ª Temporada

23 de maio de 2014


Título Original: Almost Human
Temporada: 1
Gênero: Ficção Científica
Ano: 2013/14
Emissora: FOX
Nota pessoal: 3
Site Oficial

Sinopse
O ano é 2048 e a força policial adotou uma nova estratégia para que cada policial tenha um parceiro androide no combate ao crime. John é um dos melhores policiais, mas depois de sofrer um acidente ele se recusa a ter um novo androide como parceiro e por isso lhe é designado um modelo menos evoluído e defeituoso, com respostas emocionais quase humanas.

Crítica:
Já vou começar comentando o que, em minha opinião, foi o pior pecado da série, o final. Eu só fui perceber que a temporada tinha terminado quando notei que estava a algum tempo sem novos episódios, então fui buscar informação e descobri que o episódio 13 era na verdade a Season Finale (WTF!?). Voltei a assistir o episódio e realmente não percebi o encerramento da temporada, mas ok, se os produtores quiseram assim, quem sou eu pra questionar.
Apesar disso que adorei a série, mas não posso mentir, foi pelo fato de ela me lembrar demais a minha amada Fringe que ainda deixa saudades, todos os episódios são muito parecidos, e os eventos estão muito similares aos Fringe events que encontrávamos nos episódios da série, e por isso meu amor pela série foi crescendo, mas devo admitir que a série não conseguiu seu diferencial. Acredito que se não fosse o fato de ela me fazer matar a saudade de uma das minhas séries favoritas eu teria facilmente abandonado logo no começo, o que é uma grande pena, pois a série tem potencial, ela só precisa de um pouco de personalidade.
Gosto demais do Dorian e do John a relação deles dá aquele toque de comédia todo especial que sempre nos deparamos nas séries do J. J. Abrams.
Falando em J. J., esse é outro ponto que só quem acompanha seu trabalho consegue perceber o estilo e apreciar, talvez isso esteja atrapalhando um pouco o desenrolar de suas séries, afinal Fringe foi cancelada depois de ficar quase 3 anos na corda bamba, sem contar outras séries que mal completaram um ano de vida. Acho que de repente é importante um toque especial de um outro produtor para dar um novo ar para a série, visto que nos deparamos sempre com o mesmo modelo. Para quem gosta, como eu, desse estilo é um prato cheio, quase um banquete, mas para aqueles que não curtiram as séries anteriores é descartar logo de cara.
Eu acredito na série, acho que ela tem potencial, mas precisa mudar alguns pontos, infelizmente minha fé na série não é tudo, não é?
Pelo fato de a série ser gostosa e divertida de assistir e ter 13 episódios (mesmo com um final meia boca) eu recomendo sim a série, vale a pena conferir, mas sem muita pretensão.

Informações sobre a próxima temporada:
Devido a audiência abaixo do esperado a série foi cancelada em sua primeira temporada.

INSTAGRAM @fls.com.vc

LEITORES

RECEBA POR EMAIL