#VocêTemUmaMenteMilionária

Livros: Bela Maldade

24 de setembro de 2014

http://www.skoob.com.br/livro/190285-bela-maldade

Título Original: Beautiful Malice
Gênero: Romance Psicológico
Autor: Rebecca James
Ano: 2011
Editora: Intrínseca
Número de páginas: 302
Nota pessoal: 4
Compre aqui

Sinopse:

Após uma horrível tragédia que deixou sua família, antes perfeita, devastada, Katherine Patterson se muda para uma nova cidade e inicia uma nova vida em um tranquilo anonimato. Mas seu plano de viver solitária e discretamente se torna difícil quando ela conhece a linda e sociável Alice Parrie. Incapaz de resistir à atenção que Alice lhe dedica, Katherine fica encantada com aquele entusiasmo contagiante, e logo as duas começam uma intensa amizade. No entanto, conviver com Alice é complicado. Quando Katherine passa a conhecê-la melhor, percebe que, embora possa ser encantadora, a amiga também tem um lado sombrio. E, por vezes, cruel. Ao se perguntar se Alice é realmente o tipo de pessoa que deseja ter por perto, Katherine descobre mais uma coisa sobre a amiga: Alice não gosta de ser rejeitada...

Personagem favorito:Tirando a completa aversão por Alice, todos os demais personagens são completamente apaixonantes. Ela realmente é o tipo de personagem/pessoa que nos faz questionar os padrões de comportamento. Não consegui não me envolver com a história de Katherine e principalmente me apaixonar por Mick, Robbie e Philippa, sem claro deixar Sarah de lado que é uma menina doce e sua paixão por rabanadas é algo realmente absurdo (risos).

Crítica:
Como já comentei em resenhas anteriores não sou nada fã de livros que são construídos em cima de flashbacks, com Bela Maldade somos inseridos a uma quantidade absurda de flashbacks ao longo de toda a narrativa, mas a costura das passagens foram tão bem feitas que esse feito acabou por me fazer acostumar com as viagens no tempo e consegui curtir a história.
O único ponto que realmente me incomodou foi a necessidade de manter todo o acontecimento com Rachel em absoluto segredo, o que me fez pensar que seria algo ainda mais obscuro. Não que não tenha sido bastante pesado, mas em cima de tanto mistério esperava algo ainda mais sinistro.
Apesar desse ponto o desenrolar da história foi se intensificando a cada nova passagem, seja no passado da Katie, seja no passado de Katherine ou em seu presente, em todos os tempos foram acrescidas doses interessantes de drama, suspense e incertezas.
Toda a narrativa foi muito bem estruturada de modo a deixar o leitor esperando por mais e criando certos questionamentos a respeito das personagens e dos acontecimentos.
Foi interessante entender os medos de Katherine, confesso que se tivesse um passado como o dela provavelmente me faria os mesmos questionamentos, se não fosse ainda mais cruel comigo mesma. Assim como foi intenso viver suas superações e suas descobertas.
Esse é um livro muito intenso, um romance psicológico que sinceramente gostaria de ver adaptado ao cinema, juro consigo enxergar certas cenas com nitidez absurda.
Esse é o tipo de livro que mexe comigo a ponto de me faltar argumentos. O mais interessante é que apesar de ele ser uma história densa, pesada e recheada de acontecimentos trágicos ele tem seu romantismo e sentimentalismo.
Quanto ao desfecho da história minha vontade ao terminar o livro foi de abraçá-lo e suspirar por ter visto um final digno para uma história como aquela, um final de possibilidades.
Sinceramente nem consigo me alongar muito por aqui sem revelar aspectos do livro, o que posso dizer é que o livro me surpreendeu demais e recomendo muito sua leitura, mas fica o alerta para estar preparado para certa carga emocional, não que ele faça o leitor chorar, mas sim refletir sobre os valores da vida. Super recomendo a leitura, valeu muito a pena.

INSTAGRAM @fls.com.vc

LEITORES

RECEBA POR EMAIL