#VocêTemUmaMenteMilionária

Oh, Broadway here I come

29 de outubro de 2014

Visitar Washington DC foi incrível, além das experiências relatadas anteriormente pude desfrutar de momentos do cotidiano americano e foi, sem dúvida, uma experiência única.
Conheci pessoas agradáveis e simpáticas, sinceramente não esperava tanta hospitalidade, mas o mais engraçado de tudo era quando eu falava que era brasileira aí todos tinham a mesma reação, como se um parente meu tivesse acabado de falecer, "Oh! Sinto muito pelo Brasil na Copa do Mundo, foi uma pena" eu caia na risada sempre, era impossível resistir.
Conheci pontos turísticos, óbvio, mas tamanha foi minha decepção com a Casa Branca, o mais perto que cheguei dela foi sua bunda, ainda assim cheio de seguranças e bloqueios para todos os lados, para ver a parte da frente só de muito, mas muito longe, mas tudo bem. Os demais pontos valeram a pena e compensaram minha frustração.
O Museu que mais me chamou atenção foi o Museu da História Natural, deu para entender porque fizeram o filme Uma Noite no Museu, cara os animais parecem te encarar em todos os cantos, achei um tanto assustador.
Triste foi acompanhar a trajetória de Lincoln, todas as referencias e locais, não consegui entrar no hotel onde ele foi baleado e na casa onde ele morreu, acho que certas coisas precisam serem respeitadas, as pessoas as vezes parecem esquecer que por trás de toda o aparato turístico existe muita dor e sofrimento envolvida. E me chocou ver o desrespeito que existe com os monumentos. Sei que é romantismo ou sentimentalismo demais da minha parte mas respeito demais a história.
A capital é simplesmente linda, limpa, organizada e acolhedora.
Um dos lugares que mais gostei de passear foi por Georgetown, um bairro que traz uma avalanche de referências cinematográficas, inclusive a escada de O Exorcista que é um dos pontos turísticos de lá.
Me diverti mesmo assistindo aos jogos de Futebol Americano, apesar de ser fascinada pelo esporte não entendo muita coisa, afinal nunca fui atrás, mas a graça toda esta aí,  todos são muito solícitos em tentar de alguma forma explicar como funciona o esporte, e o mais engraçado de tudo é que cada um explica uma coisa diferente, mas todas as vezes que tive a oportunidade de me juntar aos torcedores nos bares lá estava eu absorvendo um pouco de cultura americana acompanhada de uma boa cerveja e de pessoas interessantes. Sem dúvida uma experiência que recomendo e continuarei a praticar nas próximas cidades.
Sai de DC completamente apaixonada e disposta a voltar assim que possível.
Agora farei minha primeira viagem de trem com destino a New York, estou bastante ansiosa e com uma agenda bem cheia de eventos e passeios turísticos.

LEITORES

RECEBA POR EMAIL

INSTAGRAM @fls_insta