#VocêTemUmaMenteMilionária

Filmes: Dois Dias, Uma Noite

10 de fevereiro de 2015


Título Original: Deux jours, une nuit
Gênero: Drama
Ano: 2015
Duração: 95 minutos
Direção: Jean-Pierre Dardenne, Luc Dardenne
Distribuição: IMOVISION
Nota pessoal: 1

Sinopse
Sandra perde seu emprego pois outros trabalhadores da fábrica prefiram receber um bônus ao invés de mantê-la na equipe. Ela descobre que alguns de seus colegas foram persuadidos a votar contra ela. Mas Sandra tem uma chance de reconquistá-lo. Ela e o marido têm uma tarefa complicada para o final de semana: eles devem visitar os colegas de trabalho e convencê-los a abrir mão de seus bônus, para que o casal possa manter o seu emprego.



Crítica:
Meu deus que filme cansativo. Sinceramente não sei com o não dormi no cinema. Certamente esse é um dos filmes que se não estivesse na lista das principais categorias do Oscar eu jamais teria assistido, mesmo porque o poster tem cara de ser um filme chato.
Bem não vou conseguir me explicar muito bem sem dar alguns detalhes do filme, mas como o filme é chato e eu não recomendo o farei sem dó.
Começando pela história mais sem graça que já vi na vida, a mulher esta se recuperando de uma depressão e descobre que houve uma votação para que os funcionários decidissem se ela retomaria seu posto no trabalho ou cada funcionário receberia um bônus, então ela humildemente pede uma nova votação e sai durante o final de semana batendo de porta em porta na casa dos funcionários pedindo para que eles abram mão de seu bônus para que ela reintegre o quadro de funcionários. Só de escrever esse parágrafo já fiquei com preguiça, porque isso definitivamente não é uma história interessante.
Segundo a atuação de Marion Cotillard não entendo o destaque recebido pela academia, sério, fazer cara de morta e infeliz qualquer um sabe fazer. Sua personagem é completamente apática a base de antidepressivo, que mostra claramente que ela não esta pronta para voltar ao trabalho, visto que chega inclusive a tentar suicídio. Achei extremamente incoerente, uma vez que ela esta recuperada do quadro depressivo e tentando voltar ao trabalho.
Nem consigo escrever muito sobre esse filme porque fico com vontade de apagar o post e também não quero que vocês percam a vontade de viver, porque esse filme é muito, mas muito chato. Não recomendo, quem assistir é por conta e risco.
 
Curiosidades:
Os irmãos Dardenne conheceram Marion Cotillard no set do drama Ferrugem e Osso, no qual ela é a protagonista e eles, os produtores. Os cineastas tinham vontade de trabalhar com a atriz e ela aceitou o convite sem antes ter lido o roteiro.


Fonte: Cinema 10

LEITORES

RECEBA POR EMAIL

INSTAGRAM @fls_insta