#VocêTemUmaMenteMilionária

Livros: Lugares Escuros

8 de julho de 2015


Título Original: Dark Places
Gênero: Suspense
Autor: Gillian Flynn
Ano: 2015
Editora: Intrínseca
Número de páginas: 352
Nota pessoal: 4
Compre aqui

Sinopse:
Libby Day tinha apenas sete anos quando testemunhou o brutal assassinato da mãe e das duas irmãs na fazenda da família. O acusado do crime foi seu irmão mais velho, que acabou condenado à prisão perpétua. Desde aquele dia, Libby passou a viver sem rumo. Uma vida paralisada no tempo, sem amigos, família ou trabalho. Mas, vinte e quatro anos depois, quando é procurada por um grupo de pessoas convencidas da inocência de seu irmão, Libby começa a se fazer as perguntas que até então nunca ousara formular. Será que a voz que ouviu naquela noite era mesmo a do irmão? Ben era considerado um desajustado na pequena cidade em que viviam, mas ele seria mesmo capaz de matar? Existiria algum segredo por trás daqueles assassinatos?

Personagem favorito:
Mesmo no terceiro livro que leio da escritora ainda fico impressionada como ela consegue construir personagens tão perturbados e distorcidos que me fazem identificar com eles em alguns aspectos, é incrível.

Crítica:
Definitivamente Gillian Flynn conquista meu favoritismo a cada livro lido. Sinceramente seus livros estão em minha lista de livros favoritos e recomendados. Agora o que eu quero realmente saber é quando ela lançará um novo livro.
Suas personagens são tão reais, perturbadas, distorcidas. Ela consegue, por meio de suas personagens fazer uma ótima crítica sobre nossa atual sociedade, como somos supérfluos, mesquinhos, pequenos e acima de tudo frágeis ao extremo.
Suas histórias são sempre muito bem construídas, se iniciam em um emaranhado de pontas soltas que vão sendo amaradas ao desenrolar da trama de forma incrível, surpreendente e acima de tudo do jeito que eu gosto, ela tem o dom de transformar até as personagens mais doces ou até mesmo as enfadonhas em seres perturbados, cruéis e assassinos, sem spoilers fiquem tranquilos, estou falando de suas obras em um modo geral até agora.
Bem falando sobre Lugares Escuros mais uma vez a escritora esta de parabéns, e é uma pena que o livro não tenha feito tanto sucesso no Brasil, pelo menos até o momento, e com isso sua adaptação ao cinema ficou apenas duas semanas em cartaz e em pouquíssimos cinemas (não tive a oportunidade de assistir na telona como gostaria, então será necessário providenciar para assistir em casa mesmo).
Esse foi o primeiro livro da escritora que li em inglês (apesar de ter colocado todas as referências no post sobre a versão nacional) e foi uma ótima experiência muito boa, sua escrita é fluída e de fácil compreensão, não tive necessidade de uso de dicionários e consegui evoluir muito bem com a leitura, apesar de ter uma velocidade mais reduzida, é claro.
Achei esse livro um tanto diferente por ser narrado não só por três personagens diferentes mas também em tempos diferentes, um intervalo de 24 anos entre uma narrativa e outra. Como ele somos introduzidos a diferentes perspectivas da história, o que foi bastante interessante por um lado, mas por outro acabou não sendo tão surpreendente com relação aos acontecimentos principais, pois os fatos nos eram apresentados pelas diferentes personagens de formas diferentes então não teve o tão esperado efeito surpresa que estou acostumada com a escritora.
Como supracitado, sua forma de construir personagens é realmente impecável e perturbadora, além disso ela constrói um ótimo emaranhado de acontecimentos que é impossível largar o livro de lado sem ficar pensando no que vem a seguir. Essa é, sem dúvida, mais uma história surpreendente, intensa e incrível, vale muito a pena conferir.

Curiosidades:
O livro foi adaptado para o cinema, dirigido por Gilles Paquet-Brenner, interpretado pelas atrizes Charlize Theron e Chloë Grace Moretz. Confira o trailer a seguir:

LEITORES

RECEBA POR EMAIL

INSTAGRAM @fls_insta